Na casca de uma caracol simplesmente lunática... <p> <p> Qualquer semelhança com a realidade é um simples delírio...
Quinta-feira, 2 de Novembro de 2006
Para ti que me vês (,) amiga

Falas-me de ti, e do teu passado.
Os teus gostos seduzem-me e a tua doçura faz-me apreciar o que e quem tu és.

Os teus ruivos caracois enquadram a tua Jovem e inocente beleza.
Os teus olhos são castanhos, mas não num castanho brutop que pode ferir quem os contempla. São de um castanho claro e bondoso.
As tuas mãos são brancas e delicadas, as tuas unhas dão o toque final, cuidado e gentil.

És parecida comigo e tão diferente...
"És uma pessoa muito especial", sorris envergonhada, só um homem te diria tal e no entanto aqui estou eu, diante de i a elogiar a obra de arte que formas inconscientemente.
Gostas de falar comigo? eu gosto quando falas para mim, só para mim, quando os teus olhos se encontram com os meus sem malícias e sem perceberem que no fundo e sem querer eu (realmente) começo a gostar de ti...


sinto-me: encantada

publicado por Caracol às 20:54
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Betty a 6 de Novembro de 2006 às 01:19
Linda esta mensagem

De uma amizade muito especial e como tal - tem que ser tratada como um flor -l linda e delicada:)

Beijinhos
BoaSemana



Comentar post

Este caracol
pesquisar
 
Novembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


Caracoladas recentes

Sad StormBrain

Eu Vivo

Up-date

Insónia

Para ti que me vês (,) am...

Uma tristeza, apenas

Já começou o Inverno

Arquivos encaracolados

Novembro 2006

Outubro 2006

tags

caracoladas

Histórias do Caracolinho

caracol no espeto

Caracóis amargos

todas as tags

Outros caracóis
Divirta-se com o Sapo
blogs SAPO
subscrever feeds